Seguidores

terça-feira, 2 de setembro de 2008

Marta Peres ( a ti nosso amor e admiração grandiosa mulher Poetisa.)

















byleandro cargnin Praia de Joatinga RJ

Sol

Quando o sol nasce
Derrama seu calor
Luz cristalina
Pulsa,
Brilha,
Tal qual colar de pérolas cristalinas,
Minha pele macia sente as carícias
Nas tuas mãos,
Transpiro,
Meu coração pulsa
Querendo alcançar
O centro desta chama
Que queima em meus olhos,
Que encandeia minha alma,
Na textura da tua pele,
Na loucura de uma paixão.

Quero deixar o sol me aquecer
Banhar meu corpo nu
Derreter o frio
Fino gelo que cobre,
A placa em meus olhos,
Não quero solidão
Ela me é remédio amargo,
Veste-se como um véu
No meu coração destroçado,
Em pedaços.
Marta Peres



3 comentários:

O que Cintila em Mim disse...

Dentro dessa poetisa mora uma solidão profunda. Somente a poesia lhe trás a alegria de ser.

Encante-nos Marta, pois estamos aqui para o seu mistério.

Sempre junto neste caminho de sentimentos.

universo em poesias disse...

Obrigada amiga!

Senti imensa emoção quando abri Seu Encanto, vi meu Sol nesta homenagem que calou minha alma.
Meu simples rabisco ficou lindo amiga, feliz no meio deste carinho, desta amizade, deste amor que a mim dedica.

Muito Obrigada!
Marta Peres

Dolores Quintão Jardim disse...

Queridas...isto aqui, não é mais um blog qualquer.
Isto aqui agora é mesmo o "Meu Encanto",o nosso Encanto.


Que enorme felicidade,ver todas vocês passeando por aqui e deixando vossos recados.


Obrigada, queridas, venham sempre!